O RECANTO DE UMBANDA MÃE IANSÃ
AGENDA JULHO
ANO 2017
ATIVIDADES JANEIRO E FEVEREIRO 2017
AGENDA MARÇO ABRIL
ANO 2017 CURSOS DE MAGIA
AGENDA SETEMBRO 2016
PROGRAME-SE
ANO DE 2015
ANO 2014 MENSAGENS
MAGIA DIVINA
INFORMAÇÕES
=> ORIXÁS
=> ORIXÁS 2
=> 7LINHAS
=> INDIOS - VIDEO
=> DATAS COMEMORATIVAS
=> OFERENDAS AOS ORIXÁS (santuário)
=> MEDIUNS E CONSCIENCIA
=> OFERENDA A YEMANJÁ PRAIA
=> ERES
=> SAL GROSSO
=> 15 DE NOVEMBRO
=> ANO DE 2012
=> PROTEÇÃO PESSOAL 481
=> MULHER FUMANTE
=> O SEU SALMO
=> O PODER DAS ERVAS
=> EXU MIRIM
=> COSME E DAMIÃO
=> O PODER DAS VELAS
=> O NUMERO DE SUA CASA
=> 2016 JANEIRO FEVEREIO
ORAÇÕES
SIMPATIAS, BANHOS E MUITO MAIS...
MENSAGENS
DEZEMBRO JANEIRO 2017
ANO 2013
BATISMOS - RUMI
ANO 2012
ANO 2011
ANO 2010
ANO 2009
CONTATO
2016 - AGENDA JUNHO
ABERAT INSCRIÇÕES
 

FORMATADO POR EDUARDO SAMBRA

ORIXÁS

 

INTRODUÇÃO

 

Como já tivemos oportunidade de falar anteriormente, a Umbanda é uma religião aberta, muito aberta por sinal. E isto gera uma enormidade de interpretações diferentes para os seus conceitos, inclusive os mais básicos.

Não pretendemos aqui esgotar este assunto, ou qualquer outro referente a Umbanda, entretanto gostaríamos de falar um pouco do que aprendemos e de como interpretamos os ensinamentos que nos foram passados através dos anos de prática e exercício mediúnico junto as entidades de Umbanda.

Lembrando sempre que as diferenças de interpretação são causadas por inúmeros motivos: regionais, missionários, experimentais, etc. Estaremos, portanto, passando informações bem básicas e rústicas para não confundirmos também aqueles que aprenderam de forma diferente.

 

DEFINIÇÃO DE ORIXÁ

Ori = Coroa; Xá = Luz.

 

A palavra Orixá quer dizer “Coroa Iluminada”; “Espírito de Luz”. O princípio mais evoluído existente em nosso sistema, manifestado através das forças da natureza.

Para haver um melhor entendimento, esquematizamos um organograma.

Você não encontrará aqui Lendas que expliquem os Orixás, porque a Umbanda não se fundamenta em lendas e sim em observação do funcionamento das forças da natureza. Você não encontrará aqui "pontos riscados" de entidades, porque consideramos o ponto riscado parte integrante da liturgia da Umbanda e portanto não deve ser profanado. Você não encontrará aqui receitas de oferendas, pois somos contra o uso indiscriminado delas. Você encontrará aqui uma simples apresentação dos Orixás. Apenas isto.

 

Os 7 Orixás Básicos da Umbanda


 

OXOSSI, Orixá da saúde, prosperidade, força, energia (ligada a saúde), farmacopéia (farmácia), nutrição É o “caçador” do Axé. Representado pelos Caboclos e Caboclas. 

Reino: mata.

Cor: verde (todos os tons e branco). Os tons de verde variam de acordo com a origem do Caboclo.

Sincretizado no Rio de Janeiro com São Sebastião, tem o seu dia comemorado em 20 de janeiro.

Elemento: terra.

Dia na semana de vibração maior: quinta-feira.

Planeta: Júpiter

Características básicas de seus filhos: meio fechados, gostam de viver no seu próprio meio. Gostam de contemplar a natureza. Geralmente são pessoas desconfiadas, mas que quando confiam são amigos fiés. Trabalhadores incansáveis. 

Outras formas de grafia encontradas: Oxossi e Oxosse.

 
   

OGUM, Orixá da energia (ligada a atitude), perseverança, vencedor de demanda, persistência, tenacidade, renascimento (no sentido de capacidade de se reerguer). Reino: Orixá sem reino específico, que atua na defesa de todos os reinos em função  A Energia de Ogum está em todos os lugares. Cor básica: vermelha e branco ou azul esculo.

Sincretizado no Rio de Janeiro com São Jorge, tem o seu dia comemorado em 23 de abril.

Elemento: fogo.

Dia da Semana de vibração maior: terça-feira

Planeta: Marte

Características de seus filhos: são persistentes, tem temperamento forte. Determinados e batalhadores.

 

 Desdobramentos Principais de Ogum

 

Ø       Ogum Megê – vermelho, branco e preto (trabalha em harmonia com Omulu, na entrada da calunga pequena - cemitério).

Ø       Ogum Rompe Mato – Vermelho e verde (trabalha em harmonia completa com Oxoce, na entrada da Mata. Podendo ser cultuado tanto na terça-feira, dia de Ogum, quanto na quinta-feira, dia de Oxoce)

Ø       Ogum Beira-mar – Coral (trabalha na orla marítima em harmonia com Iansã e Iemanjá)

Ø       Ogum Iara – azul claro e vermelho (trabalha na cachoeira em harmonia com Oxum)

Ø       Ogum de Lei – vinho e branco (trabalha com as Almas em harmonia com Xangô, Omulu, Oxum e Ogum Iara)

 

OBS.: Os demais Oguns encontrados mais raramente dentro dos terreiros de Umbanda, são desdobramentos destes principais Chefes de Linha, exemplo: Ogum 7 Ondas (desdobramento de Ogum Beira-Mar).


  

XANGÔ, Orixá da justiça e do conhecimento (estudo de maneira geral), equilíbrio das forças de um modo geral, ligadas a questões de Justiça. Sincretizado no Rio de Janeiro com São Jerônimo, tem o seu dia comemorado em 30 de setembro.

 Encontramos também outras datas de comemoração porque este Orixá foi sincretizado com outros Santos Católicos, em função de seus desdobramentos, a saber:

Xangô Alafim-Eché (São Jerônimo - 30 de setembro),

Xangô Abomi (Santo Antônio - 13 de junho),

Xangô Alufam (São Pedro - 29 de junho),

Xangô Agodô (São João Batista - 24 de junho),

Xangô Aganju (São José - 19 de março)

Xangô D'Jacutá (sem sincretismo - Regência geral da Linha de Xangô).

Reino: pedreira.

Força da natureza que rege: trovão.

Cores: marrom, cinza e ainda o roxo.

Elementos: ar e terra.

Dia da semana de vibração maior: quarta-feira

Planeta: Mercúrio

Características dos seus filhos: Rigidez de pensamento, tem grande senso de justiça, são pessoas metódicas, equilibradas e tem facilidade no estudo.


 

OMULU, Orixá de transformação energética, de toda energia produzida de forma natural ou artificial, quer dizer, a energia natural é toda aquela emanada da natureza ou do nosso próprio pensamento e a artificial é a fabricada (oferendas). Ele transforma tudo e descarrega para terra.

Orixá da transição para a vida astral. Senhor dos segredos da vida e da morte. Mestre das Almas.

Se Exu é o grande manipulador das forças de magia, o Sr. Omulu é o Mestre.

Quando desencarnamos tem sempre um enviado de Omulu do nosso lado, por isso é que ele sempre diz que temos que resgatar a nossa dívida; temos que agir efetivamente para resgatarmos o nosso Karma.

Sincretizado no Rio de Janeiro com São Lázaro tem o seu dia comemorado em 17 de dezembro.

Reino: calunga pequena (cemitério).

Cores: preta e branca em proporções iguais.

Elemento: terra.

Dia da Semana de vibração maior: sábado

Planeta: Saturno

Características dos seus filhos: Pessoas fechadas, que passam por grandes transformações na vida, normalmente ligadas a perdas. São protegidos contra qualquer tipo de magia. A mediunidade é aguçada desde muito jovem.

OBS.: Obaluaê é outro orixá, diferente de Omulu. Obaluaê refere-se ao tratamento para o nascimento e Omulu o senhor da morte.   



IANSÃ, Orixá dos ventos, raios e tempestades. Responsável pelas transformações, (mutações e mudanças) ligadas às coisas materiais, fluidez de raciocínio e verbal, Orixá intimamente ligada aos avanços tecnológicos. Grande guerreira.

Não tem reino específico, atua nos fenômenos da natureza.

Cor: amarelo ouro e branco. Elemento: ar, água e fogo

Dia da semana: quarta-feira (horas pares até às 16:00h)

Planeta: Mercúrio

Sincretizada no Rio de Janeiro com Santa Bárbara tem o seu dia comemorado em 4 de dezembro.

Características dos seus filhos: Mudança de pensamento (jogo de cintura), facilidade de falar, de se comunicar, de interagir. Pessoas geralmente bastante flexíveis (abertas) as novidades e mudanças.



 

IEMANJÁ, Orixá dos mares, das águas salgadas. Responsável pelos bens materiais, grande provedora e mãe. Senhora da Calunga Maior(mar), portanto grande absorvedora de energias negativas.

 Traduz a sua vibração em paz e harmonia. Protetora da família, dos laços familiares.

 Reino: mar.

Cores: azul claro ou branco transparente.

Elemento: água.

Dia da semana de maior vibração: sexta-feira.

Planeta: Vênus

Sincretizada no Rio de Janeiro com N. Senhora da Glória tem o seu dia comemorado em 15 de agosto.

Características de seus filhos: dinheiro com facilidade (quando não tem, aparece), não aparentar a idade que tem, "espírito" maternal, gosta do poder.


  

OXUM, Orixá do amor, da harmonia e da concórdia. Equilíbrio emocional. Senhora das águas doces, rios e cachoeiras.

Reino: Cachoeira.

Cor: azul. Elemento: água.

Dia da semana de maior vibração: segunda-feira.

Planeta: Lua

Características dos seus filhos: Docilidade, sensibilidade (choram com facilidade), místicos.


 


OXALÁ, Orixá que busca a harmonia universal, dotado de incrível paciência é o orixá da Fé.



Reino: colina descampada, planície.

Cor: branca.

Sinretizado como Jesus Cristo

Elemento: cristalino

Dia da semana de vibração: sexta

Planeta: sol

Características básicas de seus filhos: aparência modesta e correta.




Caso deseje se aprofundar nesse assunto, o texto é parte integrante do Livro Umbanda - Mitos e Realidade.

 



=> ¿Desea una página web gratis? Pues, haz clic aquí! <=